Prefeitura de João Neiva inicia Campanha Nacional contra Hanseníase, Geohelmintiase e Tracoma em escolas públicas

A Prefeitura Municipal de João Neiva, através da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), iniciou ontem (30) a “Campanha Nacional de Hanseníase, Geohelmintiase e Tracoma em escolares”. As ações estão sendo feitas nas escolas públicas para estudantes com idade entre 5 e 14 anos por equipes da estratégia de Saúde da Família, juntamente com Vigilâncias Epidemiológica e Ambiental.

A campanha contra Hanseníase está sendo feita em ação conjunta com a Secretaria Municipal de Educação e Desporto (Semed) e serão distribuídas fichas de autoimagem aos escolares com informação sobre a doença para serem respondidas em casa, com o acompanhamento dos pais. O questionário ajudará a detectar casos suspeitos para o encaminhamento e tratamento correto.
De acordo com Cleide Beatriz Gasparini da Silva, Enfermeira da Vigilância Epidemiológica, a “Hanseníase é causada pelo Mycobacterium Leprae e é transmitida por meio de contato direto e prolongado com o doente sem tratamento. A transmissão ocorre normalmente pelas vias aéreas superiores (boca e nariz). A doença se desenvolve dependendo das condições do sistema imunológico do indivíduo ao qual foi transmitido o bacilo. Entre os sintomas principais estão manchas na pele com alterações de cor e de sensibilidade, dormência, queda de pelos e comprometimento de nervos periféricos”, afirma.
Para combater a Verminose ou Geohelmintiase os escolares serão tratados preventivamente com Albendazol 400mg, dose única. Os pais que não quiserem que os filhos sejam medicados deverão assinar o termo de recusa.
Segundo Cleide, “a Verminose é causada pelos geohelmintos, parasitas intestinais que causam anemia, dor abdominal e diarreia. As principais verminoses são ascaridíase, ancilostomíase e triquiuríase” conta.
Já para prevenir o Tracoma será feito exame ocular externo nos escolares para detectar a doença. Os casos positivos serão tratados com Azitromicina solução ou comprimido, de acordo com o peso dos estudantes. Os pais que não quiserem que os filhos sejam medicados deverão assinar o termo de recusa que será disponibilizado aos escolares.
Cleide exlica que “o Tracoma é uma doença inflamatória dos olhos causada pela bactéria chlamydia trachomatis, que atinge a córnea e a conjuntiva. A transmissão ocorre por contato direto, pessoa a pessoa, ou contato indireto, por meio do compartilhamento de objetos contaminados com secreção (toalhas, lenços, lençóis)”, relata.
Segue abaixo cronograma da Campanha:

Data

Escola

30 de setembro

EMPEIF Barra do Triunfo - Manhã

 

01 de outubro

EMEIF Guilherme Baptista –Acioli- Manhã e tarde

 

02 de outubro

EMPEIF Cavalinhos - Manhã

EMPEIF Santo Afonso - Manhã

 

05 de outubro

EMPEIF Santo Afonso - Manhã

 

14 de outubro

EMEF Pedro Nolasco-Vila Nova– Manhã e tarde

 

19 de outubro

EMEF “Teresita Borrini Farina” – Centro- Manhã e tarde

 

 

20 de outubro

 

EMEF Barão de Monjardim - Centro – Manhã e Tarde

 

21 de outubro

EMEIF José Rebuzzi Sarcinelli- Cristal-Manhã

 

26 de outubro

EMEIF Dr. Orlindo Francisco Borges

 

Publicado em quinta-feira, 01 de outubro de 2015

ACOMPANHE A PREFEITURA

Horário de Atendimento

O funcionamento da Prefeitura Municipal de João Neiva é Segunda a Sexta 07:00 às 11:00 e 12:30 ás 16:30

Fale Conosco

Telefone: (27) 99986-7050
E-mail: ouvidoria@joaoneiva.es.gov.br

Endereço

Av. Presidente Vargas, 157 - João Neiva - ES