Fazedores de Cultura: conheça a história de Rudge-Ione Gonçalves

  

Rudge-Ione Gonçalves, mais conhecida como Rud, tem 56 anos, nasceu em Vitória, mas ainda recém-nascida, veio morar em João Neiva. Com muitos parentes por aqui, ela sempre se sentiu em casa. Chegou a morar em outro município, dos vinte aos trinta anos, mas, retornou há mais de 20 anos.

Conhecida pelos projetos sociais que desenvolve na cidade, Rud também tem grande importância no movimento cultural em João Neiva. Ela já fez parte da secretaria de Cultura, Turismo, Juventude e Esporte de João Neiva, à frente do Projeto Encenação e Arte, que trabalhava com crianças, adolescentes e jovens com atividades artístico-culturais.

Mas, por ser professora de formação e por ter passado por várias escolas do município, tanto da rede pública como particular, teve o contato com vários públicos e sentiu a necessidade de expandir seus trabalhos além do ambiente escolar, fazendo então, a ocupação de outros espaços.  

Atualmente, Rud trabalha como professora de dança no Projeto Bem Viver, do Instituto Preservarte, dando aulas toda quinta-feira à tarde para idosos. Nas terças e sextas-feiras a noite, ela se dedica ao projeto Dance e Movimente, que acontece em sua casa, no Chalé Jardins, no bairro Floresta. A ação voluntária tem o objetivo de inserir crianças em situação de fragilidade social no mundo, através da dança.

Rud acredita que a dança é uma ferramenta de transformação social, assim como outros elementos artísticos, capazes de desenvolver múltiplas habilidades em cada pessoa, que por muitas vezes, não são tão perceptíveis e muito menos, desenvolvidas nas escolas.

Além disso, ela colabora em muitos movimentos culturais que acontecem em João Neiva, como trabalhos artísticos desenvolvidos com a juventude, produção de figurinos, coreografias e eventos.

Sobre o movimento cultural em João Neiva, ela conta que no início, quando foram realizadas as primeiras manifestações artísticas por aqui que envolviam o movimento Hip Hop, houve grande resistência do público local em decorrência da falta de informação e contato com a cultura periférica. Mas, ela não desistiu e a persistência do trabalho permitiu a efetivação da identidade cultural e, consequentemente, a maior aceitação. Assim, se formaram alunos multiplicadores do processo. 

"O contato com a cultura me permite passar por todas as vertentes e reconhecer o valor de cada uma. Mas, a minha identidade pessoal com as culturas marginalizadas é o que me impulsiona a seguir acreditando ser possível transformar vidas através delas, mudando o comportamento social", comenta Rud-Ione.

Segundo Rud, todo o trabalho social que não consegue mudar a vida de uma pessoa se quer, tem que repensar no que foi feito, onde se perdeu. "Recebemos crianças com várias realidades e ao longo do tempo que vamos desenvolvendo nosso trabalho, conseguimos observar essa mudança de comportamento e a sensação de ver essa transformação vale muito à pena e dá mais gás para continuar realizando o trabalho que acredito", destaca.

E nessa rotina de muitos trabalhos, Rud ainda tem tempo para relaxar. Ela conta que adora passeios ao ar livre e de visitar cachoeiras, mas, o que mais te deixa feliz, é estar com suas três filhas, Mônia, Nicole e Pérola. É nelas que ela encontra a energia para continuar enfrentando as dificuldades e dando continuidade aos seus trabalhos.

E por falar em trabalhos, Rud não consegue contar sua história, sem falar em tudo o que desenvolve. Muitas vezes ela já se viu sendo questionada por pessoas que a julgam por acreditar em tudo o que ela faz e abrir mão de uma vida tranquila que poderia estar vivendo. "Algumas pessoas já me chamaram de "louca" por tudo o que faço, por perder finais de semana para poder ajudar o próximo. Mas, o que elas não sabem, é que o meu bem-estar é esse. É estar nas comunidades, com as crianças, vivenciando tudo isso com eles. E que a vida que estou vivendo é a que eu quero viver e a que me dá felicidade", finaliza Rudge-Ione Gonçalves.

 

  

 

Data de Publicação: quinta-feira, 28 de novembro de 2019

ACOMPANHE A PREFEITURA

Horário de Atendimento

O funcionamento da Prefeitura Municipal de João Neiva é Segunda a Sexta 07:00 às 11:00 e 12:30 ás 16:30

Fale Conosco

Telefone: (27) 99986-7050
E-mail: ouvidoria@joaoneiva.es.gov.br

Endereço

Av. Presidente Vargas, 157 - João Neiva - ES